Separação De Camadas|Rachaduras

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Olá

Hoje estou passando para lhe falar sobre como resolver o problema de separação de camadas e rachaduras nas peças, algo que é bem comum na impressão 3D e que tem solução.
Eu sou o Anderson Godoy da Escola de Impressão 3D e espero que você aproveite o conteúdo deste email.

 Separação De Camadas e Rachaduras

Separacao_De_Camadas_Rachaduras

A impressão 3D consiste na aplicação de plástico, camada após camada. Cada camada sucessiva é impressa em cima da camada anterior, o que, no final cria a forma 3D desejada. No entanto para se obter sucesso na impressão, precisa-se que uma camada adere a outra de forma a não existirem falhas. Se as camadas não se unirem o suficiente, a peça final pode sofrer descolamentos e rachaduras. Vamos verificar algumas causas e sugestões de como resolver este problema nas impressões.

Altura da camada é muito grande

Como regra geral, não se deve ter uma altura de camada maior do que 80% do diâmetro do bico da sua impressora, ou seja, se o bico for de 0,4 mm, não ultrapasse os 0,32 mm de altura de camada, pois isso fará com que uma camada não fique suficientemente prensada sobre a outra, ocasionando assim o descolamento da mesma e a aparição de rachaduras ou descolamentos na peça.

Temperatura de impressão muito baixa

Plástico quente vai sempre se unir muito melhor do que  plástico frio. Se você perceber que as camadas não estão se ligando e você tem certeza de que a altura de camada não é muito grande, então é  possível que seu filamento precise ser impresso com uma temperatura mais alta para criar uma fusão maior. Por exemplo, se você tentou imprimir em plástico ABS a 190°C, você provavelmente descobriu que as camadas da peça  se quebram facilmente. Isto ocorre porque o ABS necessita tipicamente ser impresso em torno de 220-235°C para criar uma ligação forte entre as camadas.. Então, se você acha que isso pode ser o problema, verifique se você está usando a temperatura correta para o filamento que você comprou. Tente aumentar a temperatura entre 5 e 10°  graus para ver se melhora a adesão.
Mais pra frente dedicarei um email a um problema muito parecido com estes que é o WARP e como resolvê-lo.

Espero que o conteúdo deste post possa lhe ajudar.

No próximo post

Filamento Patinando. Confira!

Filamento_Patinando.jpg

Obrigado pela oportunidade de escrever este conteúdo para você.

Att,

Anderson Godoy | Escola de Impressão 3D

Fonte: Este material é baseado no material disponibilizado no site da Simplify 3D.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *