Como Evitar os Fiapos ou Teias Das Peças Na Impressão 3D

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Fiapos ou teias nas peçasfiapos_teias

Em muitas impressões ocorrem de ficar fiapos ou teias de plástico entre as peças ou entre partes de alguma peça. Isto ocorre devido ao plástico que escorre para fora do bico enquanto a extrusora está se movendo para um novo local. Felizmente, existem várias configurações dentro Simplify3D(ou outros fatiadores) que podem ajudar com esta questão. O cenário mais comum que é usado para combater o excesso de fiapos é algo  conhecido como Retract retracção). Se a retração estiver ativada, ela age como se fosse uma “sucção”, pois puxa o material que escorreria e formaria os fiapos, depois disso quando volta a imprimir o material já estará na ponta do bico pronto para a impressão. Certifique-se sempre de que o Retract está habilitado no seu fatiador.

Nos tópicos  a seguir iremos ver mais sobre as definições de retração, bem como várias outras configurações que podem ser utilizados para combater os fiapos, tais como os ajustes de temperatura de extrusão.

Distância do Retract

A configuração do retract mais importante é a distância do mesmo. Isso determina o quanto de plástico é puxado para trás. Em geral, quanto mais plástico é puxado, é menos provável que o fiapo se forme durante o movimento. A maioria das extrusoras de acionamento direto exigem uma distância de retração de 0.5-2.0mm, enquanto algumas extrusoras do tipo Bowden podem exigir uma distância de retract bem alta, podendo chegar a 15mm, isso ocorre devido à maior distância entre a engrenagem de transmissão e o bico aquecido (hotend). Se você estiver tendo o problema de fiapos em suas impressões, tente aumentar a distância do Retract de um em um milímetro e teste novamente para ver se o desempenho melhora.

Velocidade do Retract

A próxima configuração que você deve verificar é a velocidade do retract. Isto determina quão rápido o filamento é puxado. Se o filamento retrair muito devagar ele pode vazar antes de chegar no fim do movimento e ocorrer o fiapo. Por outro lado, se o retract estiver muito rápido, o filamento pode se separar dentro do hotend, ou a engrenagem pode até mesmo comer ou patinar sobre o filamento. Geralmente existe um ponto entre 20 e 100 mm/s que será o ideal. Na verdade dependendo do tipo de material e características da máquina, isso é muito pessoal e depende de testes do usuário para chegar no resultado adequado.

Temperatura muito alta

Depois de ter verificado as definições de retração, a segunda causa mais comum para fiapos é a temperatura de extrusão muito alta. Se a temperatura estiver muito alta, o plástico no interior do bico irá ficar muito viscoso e irá escorrer do bico com facilidade. No entanto, se a temperatura estiver muito baixa, o plástico ficará um pouco sólido e terá dificuldade de ser extrusado . Se você estiver certo que as definições do seu retract estão corretas, mas mesmo assim está encontrando esses problemas, tente diminuir a  temperatura de extrusão entre 5 e 10 graus. Isto pode ter um impacto significativo na qualidade final da impressão. Estas configurações de temperatura são facilmente encontradas em qualquer fatiador.

Movimentos mais longos espaços abertos

De acordo com o tamanho do movimento entre uma parte e outra da peça o aparecimento do fiapo é mais ou menos propenso. No caso de caminhos muito longos os fiapos aparecem com mais facilidade . Nestes casos a capacidade de calculo gerado pelo software de fatiamento é fundamental para otimizar estes caminhos. Neste quesito o Simplify é um dos melhores se não o melhor. No Simplify tem um comando que evita passar por partes fora da peça, desta forma o hotend sempre está sobre a peça e isso evita as teias ou fiapos. 

Espero que o conteúdo deste post possa lhe ajudar.

No próximo post

Superaquecimento. Confira!

Superaquecimento

Obrigado pela oportunidade de escrever este conteúdo para você.

Att,

Anderson Godoy | Escola de Impressão 3D

logo-escola-de-impressao3d-branco-60x60x300px

Fonte: Este material é baseado no material disponibilizado no site da Simplify 3D.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *